19/12/2014

Sexo e gravidez

Por Alberto D´Auria*

A gravidez é uma fase diferente na vida de um casal. Tanto os homens quanto as mulheres passam por mudanças e adaptações, inclusive na relação sexual. O comportamento feminino relacionado ao sexo depende muito do perfil hormonal de cada mulher, da produção de testosterona fabricada no corpo e da dinâmica de vida com o parceiro.

Cerca de 10% das mulheres têm a libido elevada durante a gravidez. Essa porcentagem refere-se ao grupo que, durante a menstruação, têm mais interesse sexual. Elas se sentem bem com a progesterona, hormônio que inunda o corpo feminino na gestação e tem como função proteger a gravidez. Esse hormônio aparece em grande quantidade na pré-menstruação, na menstruação e na gravidez.

Um dos mitos que confundem muitas gestantes é de que a mulher grávida não pode fazer sexo. As relações sexuais só serão proibidas se o médico encontrar alguma alteração com a gestação, como descolamento da placenta e pressão alta, por exemplo. Caso contrário, não há problema para a gestante ou para o bebê.

O papel do homem é importante na adaptação à nova dinâmica do casal. Existem casos em que o parceiro se sente “abandonado” pela gestante ou idolatra a figura da mulher grávida, o que faz com tenham uma retração sexual, desenvolvendo uma atração platônica que avança até o pós-parto.

Por outro lado, cada vez mais os futuros pais tendem a participar do período gestacional ativamente. É comum encontrarmos os parceiros nos consultórios de obstetras. A sensação que os pais experimentam, faz com que se sintam parte importante da gravidez.

A gestação pode e deve ser uma etapa vivida a dois. Por isso, os futuros pai e mãe devem se unir para transformar este momento do relacionamento em algo único e especial, sem esquecer da sua parceria como um casal. É preciso ter total sinergia entre os pais, pois se iniciará uma vida diferente que deve ser regada com muito carinho e atenção, fortalecendo a união da nova família.

*Dr. Alberto D´Auria é obstetra e diretor médico da Cryopraxis.