fbpx

Como curtir o Carnaval sem riscos com o seu bebê

Sair com crianças pequenas pode ser uma aventura para papais de “primeira viagem”. Ainda mais se a saída for para blocos de Carnaval. Dúvidas como: Blocos ao ar livre ou em clubes?  Dar para pular Carnaval com o bebê? O bebê pode vestir fantasias? São dúvidas normais nesta época do ano. Neste post, iremos abordar estas frequentes dúvidas. Saiba como curtir o Carnaval sem riscos com o seu bebê:

Fantasias:

Nada mais fofo que um bebê fantasiado, não é mesmo? As fantasias estão liberadas, mas recomenda-se que sejam de tecidos leves e com poucos adereços. Sprays de cabelo, glitter e pinturas corporais não devem fazer parte da ornamentação da criança, uma vez que tais produtos podem causar alergias e intoxicações.

Programação:

Tenha atenção na escolha da programação. Dê preferência a ambientes abertos para fugir do calor excessivo e do ar-condicionado. Blocos infantis costumam durar menos tempo que blocos tradicionais. Isto é ótimo, porque crianças costumam se cansar facilmente. Outro quesito a ser levado em conta é a segurança. Blocos que antecedem o Carnaval costumam ser mais vazios e seguros, e isto é um ponto positivo.

Identificação:

Em blocos e clubes, os bebês que já andam recebem muitos estímulos e a chance de quererem sair de perto dos pais aumenta. Pulseiras de identificação contendo o nome da criança, o nome do responsável e um telefone de contato são bastantes válidas para que a família possa ser localizada rapidamente em caso de desaparecimento. Certifique-se que as pulseiras não são frágeis e não sairão do braço do pequeno neste momento.

Alimentação:

Comidas de rua devem passar longe da folia dos pequenos, pois não se sabe como esses alimentos foram preparados. Pense em levar na bolsa alimentos de fácil manuseio e que sejam da rotina alimentar do bebê. Também não se pode esquecer da hidratação! A maioria dos blocos infantis são de dia e com as brincadeiras, a criança acaba perdendo líquido pelo suor. Leve garrafas de água mineral e de sucos de fruta naturais para evitar a desidratação.

Exposição ao sol:

Um item indispensável no Carnaval é o protetor solar infantil, feito especialmente para pele sensível do pequeno. Vale levar em consideração o horário do bloco na hora da escolha da programação. O ideal é que a criança tenha exposição ao sol somente até as 10 horas da manhã ou após as 16 horas da tarde.

Esperamos que estas dicas te ajudem no momento de curtir a folia com seu bebê. Todavia, é extremamente importante respeitar o limite da criança. Sinais de sono e irritação indicam que está na hora de voltar para casa.