fbpx

5 dúvidas que futuras mamaẽs têm sobre a coleta de células-tronco

As células-tronco do sangue do cordão umbilical e placentário são aptas à regenerar tecidos do corpo humano. Ou seja, são responsáveis pela manutenção funcional do organismo por meio da substituição das células que vão morrendo ou perdendo a função. 

Por causa dessa capacidade regenerativa, as células-tronco podem ser utilizadas no tratamento de diversas doenças. 

Muitas futuras mamães possuem dúvidas sobre como ocorre a coleta das células-tronco do sangue do cordão umbilical e placentário. Então, separamos cinco dicas para auxiliar em um melhor entendimento: 

1- Quando o sangue do cordão umbilical pode ser coletado?

O sangue do cordão umbilical deve ser coletado imediatamente após o nascimento do bebê e a coleta só pode ser realizada durante os procedimentos do parto. É válido lembrar que também não existe um número mínimo de células para armazenar. 

2- Como é feita a coleta?

No momento do parto, um profissional especializado realizará a coleta do sangue do cordão umbilical e placentário de forma indolor, tanto para o bebê quanto para a mãe. 

3- A coleta pode ser feita em qualquer tipo de parto?

A coleta de células-tronco do sangue do cordão umbilical e placentário não causa nenhum transtorno durante o parto, podendo ser realizada tanto em parto vaginal quanto cesariana.

4- Como ocorre a liberação das células em armazenamento para uso?

A liberação das células armazenadas começa com o requerimento médico sob autorização dos tutores legais ou o próprio beneficiário quando maior de idade.

5- Em que momento devo entrar em contato com a Cryopraxis para a realização da coleta?

Assim que o obstetra indicar a sua ida para a maternidade, você deve entrar em contato com a Cryopraxis. Para coletas de células-tronco que serão realizadas nas capitais brasileiras, a antecedência mínima para contato é de três horas antes do parto. Já as coletas que serão realizadas em outros municípios do Brasil, a antecedência mínima para o contato é de cinco horas antes do parto.

Tem alguma dúvida sobre o assunto? Entre em contato conosco! Estamos à disposição para ajudá-lo: http://cryopraxis.com.br/contact/ 

Confira também:

5 dicas que você precisa saber sobre amamentação

Ansiedade na gravidez? Saiba como evitá-la

Gravidez após os 40 anos – cuidados necessários